Follow by Email

3.15.2017

     Uma da regras básicas da Máfia é jamais extorquir em excesso a sua vítima, pois ela vai acabar falindo e aí todos perdem. O mafioso inteligente é aquele que tira pouco de muitos, assim todos prosperam, principalmente ele, que garante, assim, uma suposta segurança aos seus, digamos, "associados". Os políticos de antigamente agiam como os mafiosos inteligentes, roubaram, mas não roubavam tanto a ponto de paralisar a máquina do estado. Ou seja, apesar do roubo, que não era pouco, diga-se de passagem, os funcionários continuavam recebendo em dia, os hospitais e escolas funcionavam etc. Claro, tudo isso poderia funcionar muito melhor se não fossem os roubos, mas aí já é outra história.

Nenhum comentário: