Follow by Email

12.13.2007

QUANDO FOI?


Quando achei que te conhecia,
descobri em seus olhos uma tristeza contida

Olhei mais de perto e
vi que eles também escondiam
um sentimento incerto,
um caminho aberto
de esperança e otimismo

Você pediu um lenço pra chorar,
ou, se tanto,
que alguém
te esperasse à noite

E isso era tão pouco,
mas tão pouco,
que você viu que
não valia a pena
esconder mais nada

Abriu os olhos
e encarou, com a coragem renovada,
as armadilhas deste mundo louco

Quando foi que nós falamos
de amor
no meio do turbilhão
de vozes incompreensíveis?

Quando foi que nós falhamos
ao não percebermos que
o amor
era a única solução possível?

5 comentários:

Anônimo disse...

"Every time I see you falling
I get down on my knees and pray
I'm waiting for that final moment
You'll say the words that I can't say"

Aline Canejo disse...

aline canejo disse...
Fui eu quem escreveu o comentário aí em cima. Esse seu texto me lembrou daquela velha música, "Bizarre Love Triangle", que pus no trecho. E, na realidade, queria postar outro. Os primeiros versos da canção me evocaram os seus: Every time i think of you/ I feel shot right through with a bolt of blue"

Bjos

André Luis Mansur disse...

Muito legal, realmente tem muito a ver com a poesia. De quem é?

Beijos.

aline canejo disse...

É do New Order. O nome do compositor, eu não sei.
Bisous

André Luis Mansur disse...

Nossa, agora veio a música na minha cabeça. Gostava muito do New Order.

Beijos.